Etiquetas

, ,

Os teus abraços

são como o orvalho.

Acarinham a minha pele

na escuridade da noite e

beijam a minha fronte

como se fosse arvore

até acordar coa frescura

do olhar dos teus braços,

co sol do novo dia

que e testemunha do nosso sono partilhado,

entre enrugas de lenços

e pés entrelaçados. 

Anuncios