Etiquetas

, , , , ,

“O amor não é um encontro romântico entre dois amantes. (…) o amor é como a união entre dois seres cuja força reunida permite a um deles, ou a ambos, a entrada em comunicação com o mundo da alma e a participação no destino como uma dança com a vida e a morte”.

Mulheres que correm com os lobos. Mitos e histórias do arquétipo da mulher selvagem, Clarissa Pinkola Estés


Desesperadamente leo coa miña lingua

esa partitura que levas escrita,

para tornar o sorriso da túa orella

en brancas e corcheas

que te prendan

e fagas música para min,

quero ouvirte,

quero deleitarme coa túa voz.

Os teus cabelos son violín e guitarra,

quero afinar as túas cordas

e que ti me convertas en viola.

Sou a loba

que nasceu da túa meia lua. 

Anuncios